Jornal de Poesia

Usei a Internet pela primeira vez na Escola Técnica de Brasília. Eu estava fascinado pelo novo universo das interwebs. O grande guia, para mim, à época, era o antigo Cadê?. Devo agradecer ao Cadê? por me permitir conhecer o maravilhoso, esplêndido, fascinante, vitaminado e indispensável Jornal de Poesia.

Este site possui textos de mais de mil poetas que escrevem em português, incluindo obras completas de autores como Fernando Pessoa e Augusto dos Anjos. Além disso, o site também tem aquele visual de páginas de 1996 – que é charmoso nas páginas que realmente são de 1996, como é o caso.

Então, se você gosta de poesia, que espera? Visite o Jornal de Poesia agora mesmo! Eu, que há quase dez anos o conheço, não canso de me surpreender…

Post Revisions:

There are no revisions for this post.

3 Comments

  1. Posted 25/06/2009 at 21:59 | Permalink

    “Além disso, o site também tem aquele visual de páginas de 1996 – que é charmoso nas páginas que realmente são de 1996, como é o caso.”

    Ei, cadê aquele GIF animado “Netscape NOW!” ? =P

  2. Posted 25/06/2009 at 22:25 | Permalink

    Hahaha!

    É verdade, faltaram esses ícones… mas acredito que alguém que faça um site de poesias seja austero e não muito tech-savvy… É verdade que então caberiam os GIFs de “em construção” – como você mesmo bem disse em http://matizes.escondidos.zip.net/arch2009-06-21_2009-06-27.html#2009_06-25_23_11_50-8357085-0 – mas nenhum site conseguiria ficar em construção por 13 anos! 🙂

  3. Posted 25/06/2009 at 22:00 | Permalink

    http://sillydog.org/netscape/now.html

Post a Comment

Your email is never shared.

%d blogueiros gostam disto: